Fisioterapia para hérnia de disco


Uma hérnia de disco ocorre quando a cartilagem tipo almofada (o disco) entre os ossos da coluna é machucada. Quando você se machuca, um processo inflamatório ocorre (sabe quando você machuca o tornozelo e ele incha?) entre as vértebras da coluna. Muitas vezes chamado de descolocamento do disco, uma hérnia de disco pode ser causada por trauma repentino ou por pressão errada (postura errada) a longo prazo na coluna vertebral. Esta condição afeta mais frequentemente pessoas com idade entre 30 a 50 anos. Os homens são duas vezes mais propensos a serem diagnosticados do que as mulheres. Levantamento repetido, participação em esportes com peso, obesidade, tabagismo e má postura são fatores de risco para uma hérnia de disco. A maioria dos discos de hérnia não requer cirurgia e responde muito bem a fisioterapia. A fisioterapia deve planejar um programa de tratamento individualizado para ajudar as pessoas com hérnia de disco a recuperarem o movimento e função normal. Sim, a pessoa fica boa mesmo e retorna a todas as atividades normais.

O que é um disco herniado?

A coluna é composta de 33 vértebras (ossos) empilhadas uns sobre os outros. Entre cada vértebra há um pedaço de cartilagem semelhante a uma almofada chamado "disco intervertebral". Esse disco vai ficando vulnerável devido a vários fatores sendo o mais importante o sedentarismo. À medida que as pessoas vão envelhecendo, associando a falta de exercícios com postura errada, carrregamento de pesos acima do suportado pela musculatura, a articulação vai se fragilizando.

Lesões do disco podem ocorrer rapidamente ou se desenvolver lentamente ao longo do tempo.

  • Uma lesão súbita pode ocorrer quando um indivíduo levanta alguma coisa enquanto está em uma posição errada. Essa ação tensiona a coluna e faz com que a parte externa de um disco se machuque.

  • Uma lesão lenta pode ocorrer como resultado de sentar ou ficar em pé com má postura por horas, semanas ou anos, alongando lentamente ou rasgando a parte externa de um disco. Para você entender: Imagine pegar o seu tornozelo e deixar ele torto em posição extrema por muito tempo.

A área mais comum da coluna ter uma hérnia de disco é a região lombar, logo abaixo do nível da cintura. Os discos de hérnia também ocorrem comumente no pescoço

O que se sente quando se tem uma hérnia de disco?

Uma hérnia de disco pode causar dor, sensação de compressão, dormência, fraqueza ou formigamento no pescoço, nas costas, nos braços ou nas pernas. Se a lesão for muito grande, o disco pode empurrar um nervo próximo, pode ocorrer dor ou fraqueza muscular. Embora a dor nas costas ou no pescoço possa ser causada por uma hérnia de disco, outros fatores podem estar envolvidos. Uma avaliação com seu fisioterapeuta pode testar e descartar outras possíveis condições.

Se uma hérnia de disco estiver com uma compressão no nervo muito grave, pode ser necessária uma cirurgia para aliviar imediatamente essa pressão. Mas sempre indicamos uma avaliação de quem não faz cirurgias para determinar um consenso sobre o tratamento correto

Sinais e sintomas

O tipo e a localização dos sintomas dependem da localização e da quantidade de pressão nos nervos.

Uma hérnia de disco pode não causar dor alguma. Ou, pode causar qualquer um dos seguintes sintomas:

  • Dor no pescoço, costas, região lombar, braços ou pernas

  • Incapacidade de movimentar ou rodar o pescoço ou as costas

  • Dormência ou formigamento no pescoço, ombros, braços, mãos, quadris, pernas ou pés

  • Fraqueza nos braços ou pernas

  • Você pode mancar ao caminhar