Como a fisioterapia pode ajudar a melhorar a saúde dos pacientes e das operadoras de saúde

April 15, 2019

 

Dois pacientes, duas histórias. Os pacientes dessa história são fictícios.

 

Dois pacientes chegam a setor de fisioterapia da Fisio com sintomas de dores na coluna há anos. Ambos tem convênio com uma grande operadora de saúde localizada em Fortaleza mas de âmbito nacional. Os dois chegaram com exames recentes de ressonâncias magnéticas que se apresentaram anormais. 

 

Observação: Observe que muitas anormalidades na ressonância são consideradas normais e não necessariamente mostram a causa do problema. Nesse caso, os dois tinham extrusão de disco.

 

Após 3 semanas de tratamento os dois tiveram dois destinos totalmente diferentes.

 

O primeiro, ansioso para "solucionar" a causa do problema que aparecera na ressonância, quis logo operar. Realizou 4 atendimentos de fisioterapia e desistiu.  A operação parecia o caminho mais fácil, parecia o mais seguro, parecia que ele ia remover a causa da dor.

 

O segundo, seguiu as orientações e o plano de tratamento que o seu fisioterapeuta tinha prescrito, realizou atendimentos de terapia manual e cinesioterapia em 13 atendimentos de fisioterapia. Caminho mais longo, aparentemente mais custoso de tempo e tratamento. 

 

Após 3 semanas, o paciente que tinha optado pela cirurgia ainda estava de repouso, dopado de medicações e ainda com a dor que considerava "normal" e precisando de fisioterapia em casa. O paciente que optara pela fisioterapia estava de volta ao trabalho, iniciando progressivamente as atividades e quase "pronta para outra".

Fim

 

A diferença entre os dois é aparentemente fácil de detectar nessa história. O que não está escrito nela é que os custos do primeiro paciente é 15 x superior ao do segundo. Segundo estudos Brasileiros, o custo para uma operadora de saúde referente a uma cirurgia de coluna é de R$ 36.000,00. Além do custo para a operadora, uma pessoa que é economicamente ativa que fica de licença, tem todo um gasto para a previdência e de produtividade econômica...

 

Sabemos que muitas cirurgias desnecessárias são evitadas pelos nossos programas de tratamento e sabemos que os resultados são melhores. Quando falo melhores, não coloco somente a dor. Coloco a mobilidade, o medo de movimentar, o prognóstico a longo prazo, a vida ativa, a diminuição do risco de outras doenças causadas pelo "não poder fazer"...

 

Mesmo que, como mostram os estudos, a cirurgia e a fisioterapia tenham resultados similares ao longo de 6 meses, a maioria não verifica a diferença de custo desses procedimentos.

 

Entendam que às vezes, a cirurgia é muito indicada, mas nossa opinião é que os pacientes devam passar por um centro de fisioterapia honesto que veja não só a patologia presente, mas que perceba cada pessoa como uma pessoa.

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

Cinco sinais que o seu tornozelo não está tão bem

02.01.2017

1/4
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square