Dor nas costas? Fisioterapia Primeiro!

April 3, 2016

 

Um estudo publicado recentemente sobre o papel de exercício na prevenção de dor crônica na coluna reforça o poder de cura do movimento em nossa vida diária

 

O estudo, publicado no mês passado pelo JAMA (Journal of American Medical Association) Internal Medicine, constatou que o exercício reduziu o risco de dor reincidente na coluna lombar entre 25 e 40 por cento.

 

"O movimento é saúde - não há como contestar isso"

 

Oito em cada dez pessoas no mundo vão sentir dores nas costas em algum momento de suas vidas. Vinte e cinto por cento da população apresentou dores na lombar nos últimos três meses. A dor nas costas já representam 10% de todas as visitas à clínicos e 86 bilhões de dólares gastos em saúde por ano.

 

Um estudo 2015 publicado na BMC (um periódico de saúde), diz que muitos destes custos associados com dor aguda nas costas podem ser reduzidos em até 60% quando o paciente encontra um fisioterapeuta especialista rapidamente.

 

"As evidências apontam que a fisioterapia é o primeiro passo para avaliar e tratar a dor nas costas"

 

Estudos têm demonstrado que a fisioterapia pode ser tão eficaz quanto a cirurgia no tratamento de algumas doenças da coluna. Por exemplo:

Estenose Lombar: A estenose do canal vertebral lombar é o estreitamento dos espaços abertos dentro de sua coluna, que podem adicionar pressão sobre a medula espinhal e causar dor na parte inferior das pernas e costas. Um estudo recente publicado em abril 2015  do Annals of Internal Medicine afirma que a condição pode ser tratada da mesma maneira e com mesmo sucesso com a Fisioterapia e com a com cirurgia. E ainda com 15 por cento a menos de complicações.

Doença degenerativa do disco (Artrose, degeneração, protusões, espondiloartrose): Afetando 3 milhões de pessoas por ano, esta condição é definida pela "quebra de amortecedores da coluna vertebral", conhecida cientificamente como problemas nos discos intervertebrais. Um estudo 2013 realizado no Hospital Universitário Thomas Jefferson descobriu que pacientes que realizaram cirurgias não obtiveram diferenças nos resultados de dor, incapacidade e estado de saúde em comparação com a fisioterapia.

 

Fisioterapeuta Leonardo R. Bezerra

Agende sua consulta através dos fones: 85 3246-1765 / 3065-0325

 

 

 

Fontes: http://annals.org/article.aspx?articleid=2214174

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24047821

Please reload

Posts Em Destaque

Cinco sinais que o seu tornozelo não está tão bem

02.01.2017

1/4
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo